Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Detento preso há 13 dias é assassinado por asfixia em presídio de Rio do Sul

Detento preso há 13 dias é assassinado por asfixia em presídio de Rio do Sul
Foto: Divulgação/Deap

A Polícia Civil investiga a motivação do crime, que segue desconhecida.

Na noite de quinta-feira (12), um homem morreu no Presídio Regional de Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí. O detento João Paulo Rodrigues Dias, 35 anos, foi espancado e assassinado por asfixia com um cordão no pescoço. Natural de Juazeiro do Norte (CE), João Paulo tinha passagens pela polícia por posse de drogas, extorsão, tortura e furto. Ele estava preso há 13 dias.

Segundo a Polícia Militar (PM), um homem de 25 anos é apontado como autor do homicídio. Porém, a informação não foi confirmada pelo Departamento de Administração Prisional (Deap), para não atrapalhar as investigações. A motivação do crime ainda não foi descoberta.

Continua depois da publicidade

Através de uma nota, o Deap informou que as medidas legais foram tomadas em relação ao homicídio. A Polícia Civil é a responsável pela investigação, e o laudo, apontando as causas da morte de João Paulo, será realizado pelo Instituto Geral de Perícias (IGP).

>> LEIA MAIS: Vídeo capta meteoro da chuva Perseidas atravessando o céu do Estado

Confira a nota divulgada:

O Departamento de Administração Prisional (Deap) informa que o interno João Paulo Rodrigues Dias, veio a óbito nesta quinta-feira (12) no Presídio de Rio do Sul. Natural de Juazeiro do Norte (CE), João Paulo tinha 35 anos e havia ingressado na unidade no dia 30/07/2021 pelo artigo 158.

Todas as medidas legais foram tomadas e as causas, circunstâncias e responsabilidades sobre o fato serão apuradas por meio de investigação da Polícia Civil e laudo do IGP

 

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento