Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Operação de combate à extração e comércio clandestino de madeiras nobres ocorre em Timbó

Operação de combate à extração e comércio clandestino de madeiras nobres ocorre em Timbó

Mandados de busca e apreensão foram realizados em residências e empresas da região.

Na terça-feira, a Polícia Civil (PC) de Santa Catarina, através da Delegacia de Repressão a Crimes Ambientais (DRCA) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), deflagrou a operação “Madeira de Lei”, onde foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão em residências e empresas da região de Timbó, no Médio Vale do Itajaí.

É apurado nas investigações o possível envolvimentos entre indígenas da terra Laklãnõ e empresários do ramo madeireiro, que atuam na extração e comércio clandestino de madeiras nobres da unidade de conservação, conhecida por Reserva Biológica Estadual do Sassafrás.

Continua depois da publicidade

Nas buscas realizadas pela PC, foram apreendidos aparelhos eletrônicos, que serão encaminhados ao Instituto Geral de Perícias (IGP), onde passarão por perícia.

>> LEIA MAIS: Vídeo mostra condutor com cama e outros móveis em cima de carro em SC

A ação foi contou com o apoio de outras Delegacias da DEIC (DLAV, DRE, DRAS, DECOR e LAB), da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE/PCSC), da Delegacia de Polícia da Comarca de Timbó e do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA-SC).

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento