Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Vídeo registra pessoas invadindo área e incomodando o descanso de elefante-marinho

Vídeo registra pessoas invadindo área e incomodando o descanso de elefante-marinho
Foto: Reprodução/Vídeo

A Guarda Ambiental de Balneário Camboriú recebeu denúncias de pessoas chegando perto do animal.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra, pelo menos, três pessoas chegando perto de um elefante-marinho, que reage ao se sentir incomodado. Após alguns instantes, ele retorna para a água.

Na terça-feira (20), os agentes da Guarda Ambiental de Balneário Camboriú, Litoral Norte do Estado, decidiram isolar a área onde o elefante-marinho descansa. O órgão informou que nos últimos dias a unidade tem recebido denúncias de pessoas se aproximando e incomodando o animal.

Continua depois da publicidade

O guarda municipal ambiental, Samuel Luz de Azevedo Churkin, informa que o animal pode se defender caso se sinta ameaçado. “Ele não é um animal agressivo, mas se alguém tentar atacar, ele pode se defender. Importante manter uma distância segura desse animal marinho. Se tiver cachorro, recomenda-se deixar preso ou até mesmo evitar chegar perto desse animal”.

O elefante-marinho está desde a última quinta-feira (15), descansando na Praia das Conchas, na região central da cidade. A região foi isolada e o portão de acesso ao local permanece fechado. O comandante da Polícia Militar Ambiental de Santa Catarina, Fernando Magoga, informa que a atitude das pessoas no vídeo configura crime ambiental, previsto no artigo 29 da Lei nº 9.605/1998, além de infração administrativa.

>> LEIA MAIS: Motorista de Uber é agredido e roubado em Indaial

Magoga diz que o crime pode levar a pessoa a detenção. “Matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, ativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente. Tem detenção prevista de 6 meses a 1 ano. No caso da infração, a multa é de R$ 500″.

 

 

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento