Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Matriz de Risco Potencial para a Covid-19 em SC aponta melhoras no índice

Matriz de Risco Potencial para a Covid-19 em SC aponta melhoras no índice
Arte: SES

A região do Alto Vale do Itajaí saiu do estado gravíssimo.

A Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina (SES) divulgou neste sábado (17), a Matriz de Risco Potencial para a Covid-19, que apresenta uma melhora nos índices. O mapa aponta nove regiões em estado grave (cor laranja) e outras sete em nível gravíssimo (vermelha). Na semana anterior, o Estado possuía oito regiões em cada nível.

As regiões do Alto Vale do Itajaí e Extremo Sul Catarinense apresentaram melhora em comparação com a semana passada. Agora, essas regiões deixam o estado gravíssimo e integram o estado grave. Na cor laranja permaneceram as regiões do Alto Uruguai Catarinense, Planalto Norte e Serra Catarinense.

Continua depois da publicidade

Uma atenção maior fica nas regiões de Xanxerê, Laguna, Médio Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Carbonífera, Foz do Rio Itajaí e Nordeste, que apresentam um nível de risco maior.

>> LEIA MAIS: Homens arrombam e furtam estabelecimento comercial em Indaial

A cientista Bianca Vieira, diz que os índices continuam a projetar a esperança de dias melhores para a população catarinense. “A matriz mostra, sim, uma ampliação de melhora que está expressada pela baixa na ocupação de leitos UTI, inclusive com lista de espera zerada, e o aumento da velocidade de vacinação em todo o estado. A situação ainda é de observação em todos os locais, principalmente até que a segunda dose ou dose única estejam em percentagem maior que 50%. Todavia, os sinais são bastante positivos e mostram que os esforços do governo e da sociedade finalmente começam a aparecer nos indicadores”, destacou.

Confira o boletim atualizado no link.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento