Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Copa América na Argentina é suspensa pela Conmebol

Copa América na Argentina é suspensa pela Conmebol
Imagem Ilustrativa

Outros países se ofereceram para sediar o evento

Na noite de domingo (30), a Conmebol fez um anúncio informando que a Copa América não será sediada na Argentina. A entidade máxima do futebol sul-americano recebeu ofertas de outros países interessados em sediar o evento.

Em uma publicação feita nas redes sociais, a confederação afirma. “A Conmebol informa que, em atenção às circunstâncias presentes, resolveu suspender a organização da Copa América na Argentina. A Conmebol analisa a oferta de outros países que mostraram interesse em abrigar o torneio continental. Em breve serão anunciadas novidades nesse sentido”.

Continua depois da publicidade

Adiado em um ano por conta da pandemia da Covid-19, o torneio está programado para ocorrer de 13 de junho a 10 de julho. O evento deveria ter duas sedes pela primeira vez em 105 anos da história da competição, as partidas seriam divididas entre a Argentina e a Colômbia.

Porém, no dia 20 deste mês, a Conmebol fez um anúncio informando que a Copa América 2021 não seria mais realizada na Colômbia, que atualmente enfrenta uma onda de protestos entre a população, mas manteve o evento confirmado na Argentina.

A decisão da entidade ocorreu após o ministro dos Esportes da Colômbia, Ernesto Lucena, fazer um pedido a Conmebol para que o torneio fosse adiado para novembro, assim os torcedores poderiam frequentar os estádios.

A Conmebol então afirmou que a transferência de data não ocorreria por “razões relacionadas ao calendário internacional de competições e à logística do torneio”.

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, no dia 18, propôs que o país organizasse sozinho a Copa América, e apontou a crise política, econômica e social presente na Colômbia.

Na quinta-feira (26), a Conmebol pediu a Argentina que sozinha, fosse a sede do evento.

Em comunicado após encontro entre o presidente da Argentina e o presidente da Conmebol, Alejandro Domìnguez, a entidade anunciou. “O governo argentino apresentou à Conmebol um protocolo rígido para a Copa América 2021 ser realizada no país”, e acrescentou que a proposta continuaria “sob estudo rigoroso” de autoridades do Ministério da Saúde da Argentina, que tem tido acréscimos no número de casos do coronavírus e corre o risco de ter um colapso nos hospitais.

E então, neste domingo (30), a Conmebol oficializou a retirada da Argentina como sede do evento.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento