Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Nove pessoas são presas em ação conjunta das Polícias Civil e Militar em Gaspar

Nove pessoas são presas em ação conjunta das Polícias Civil e Militar em Gaspar

A prisão foi em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

Na manhã desta quarta-feira, 10 de fevereiro, uma ação conjunta da Polícia Civil e da Polícia Militar resultou na prisão em flagrante de nove pessoas, sendo sete homens e duas mulheres, em Gaspar. Foram apreendidos drogas, armas, munições e dinheiro.

A ação é de policiais civis do Setor de Investigações e Capturas da Delegacia de Polícia de Gaspar, em conjunto com policiais militares do PPT de Gaspar, Brusque e canil de Blumenau.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

Segundo o Delegado de Polícia Bruno Fernandes, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça em Gaspar e presas nove pessoas em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

Em uma casa no bairro Gasparinho, um homem de 29 anos foi preso. Ele era considerado da liderança de uma organização criminosa em Gaspar, de alta periculosidade. Na sua residência foram encontrados 14 tijolos de maconha pesando aproximadamente 9.200kg, 280g de cocaína, uma pistola calibre .380 com numeração suprimida e 36 munições do mesmo calibre e ainda R$ 24.614,00. A mãe dele, de 52 anos, também foi presa pelo envolvimento com a tráfico.

Na residência de outro alvo, no bairro Margem Esquerda, foram presos dois homens de 23 anos e 21 anos, com 155 gramas de maconha, 23 gramas de cocaína, um caderno de anotações do tráfico de drogas e ainda uma espingarda, calibre .28 e 07 munições do mesmo calibre, e outras 54 munições calibre . 22, além de aparelhos celulares.

Em outra residência, localizada na Margem Esquerda, foram presas mais cinco pessoas investigadas com 100 pedras de crack, um torrão de maconha, um caderno com anotações de tráfico de drogas, 15 munições calibre .38, quatro celulares e 18 relógios. Contra um dos presos ainda foi cumprido um mandado por falta de pagamento de pensão alimentícia.

LEIA TAMBÉM: Tribunal de Justiça atende a recurso do MPSC e determina prisão preventiva de motorista em Rodeio

Os presos foram conduzidos à Delegacia de Polícia de Gaspar para a lavratura dos procedimentos e aguardam manifestação do Judiciário para encaminhamento aos presídios.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga nossas redes sociais
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento