Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Pesquisa aponta resultados positivos na merenda escolar em Indaial

Pesquisa aponta resultados positivos na merenda escolar em Indaial
Fotos: Prefeitura de Indaial

Dos 5.156 alunos matriculados nas escolas públicas, 4.614 participaram da pesquisa.

Durante o mês de outubro, a equipe de nutricionistas da Secretaria de Educação realizou uma pesquisa nas escolas da rede municipal de Indaial a fim de verificar o índice de adesão e aceitabilidade da merenda escolar por parte dos alunos. O estudo também avaliou a qualidade da alimentação oferecida pelas instituições e o número de refeições realizadas fora do espaço escolar entre estudantes do Ensino Fundamental.

Dos 5.156 alunos matriculados nas escolas públicas do Município, 4.614 participaram da pesquisa (89%) e responderam um questionário com sete perguntas relacionadas à alimentação. Os demais estudantes não estavam presentes no momento da pesquisa ou não tiveram interesse em participar.

Continua depois da publicidade

No estudo, foi constatado que 75% dos alunos consomem a refeição no espaço escolar. De acordo com o manual para aplicação dos testes de aceitabilidade no Programa Nacional de Alimentação Escolar, o resultado é classificado como alto, uma vez que a porcentagem está acima de 70%.

Em relação à frequência do consumo das refeições oferecidas na escola, a maioria dos alunos (63%) relatou consumi-las diariamente. Além disso, dentre os estudantes que se alimentam nas escolas, 95% disseram gostar da merenda oferecida. Segundo a Resolução FNDE/CD nº 32, o índice de aceitabilidade não deve ser inferior a 85%, portanto, o estudo revelou excelente aceitabilidade da alimentação escolar entre os alunos da rede municipal de ensino.

Grande parte dos estudantes (91%) também declarou nunca ter faltado merenda nas escolas. A pesquisa mostrou ainda que 15% dos alunos não realizam nenhuma refeição ou, então, se alimentam apenas uma vez fora do horário escolar, ressaltando, assim, a importância da alimentação nas escolas perante os aspectos socioeconômicos.

–> LEIA TAMBÉM: Equipes do Futebol de Indaial garantem vagas na Semifinal da Copa Pequenos Gigantes de Bola

Através da pesquisa foi possível concluir que o nível de adesão ao Programa Nacional de Alimentação Escolar foi elevado. Além disso, mais da metade dos estudantes relatou consumir a merenda escolar diariamente. A aceitabilidade da alimentação pelos alunos também foi classificada como excelente.

“Ficamos muito felizes com a participação dos alunos na pesquisa e com os resultados, esse trabalho que é feito com tanto carinho e que envolve tantos profissionais (cozinheiras, entregadores, fornecedores, nutricionistas, professores e diretores). Queremos manter essa proximidade e engajamento com eles e permanecer avançando na qualidade, com respeito à vocação agrícola, aos hábitos alimentares dos nossos alunos e com a responsabilidade social que essa atividade requer”, ressalta a nutricionista, Jesley do Rocio Lechinhoski.

Para o secretário de Educação, Márcio Selhorst, os resultados obtidos mostram a importância da merenda escolar para os estudantes.

–> LEIA TAMBÉM: Rodeio se torna 1º Campeão Catarinense Sub 8 da história

“A nossa equipe de nutricionistas busca montar um cardápio com alimentos de qualidade e adequados para a saúde dos alunos, pois isso contribui para o crescimento e, até mesmo, para o rendimento escolar das crianças e adolescentes. O nosso objetivo é melhorar cada vez mais e continuar auxiliando, de forma eficaz, no desenvolvimento dos estudantes”, comenta.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento