Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Polícia Civil de SC explica como identificar vítima de tráfico humano

Polícia Civil de SC explica como identificar vítima de tráfico humano
Foto: Pexels/Ekrulila

É preciso ficar atento aos sinais.

A Polícia Civil de SC divulgou, na terça-feira (20), informações que possam contribuir na prevenção ao tráfico de pessoas. Dentre elas, explica como identificar a vítima.

Veja a seguir:

Continua depois da publicidade

PROTEJA-SE

  • Deixe endereço, telefone e localização da cidade para onde está viajando;
  • Antes de aceitar propostas de trabalho, pesquise sobre o contratante;
  • Duvide sempre de propostas de emprego fácil e lucrativo.

FIQUE ATENTO AOS SINAIS

Saiba identificar se alguém está sendo vítima de tráfico humano.

  • Passaporte ou documentos de viagem ficam na mão de terceiros;
  • A pessoa não oferece o endereço da casa para onde vai ou do local de trabalho;
  • A pessoa fala pouco ou não fala com familiares e amigos.

DENUNCIE

  • Denúncias podem ser feitas por meio do Dique 100;
  • No caso de mulheres, o Ligue 180 também recebe denúncias;
  • Os dois serviços funcionam 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados.

       >> LEIA TAMBÉM: Polícia Civil de SC reúne dicas de prevenção contra 17 golpes virtuais

Tanto o Ligue 180 quanto o Disque 100 possuem atendimento em português, inglês e espanhol. As denúncias por esses canais podem ser anônimas.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento