Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Noiva é levada ao cartório pela PRF após carro quebrar na estrada

Noiva é levada ao cartório pela PRF após carro quebrar na estrada
Foto: PRF

O carro que levava a mulher quebrou na BR 020, mas os policiais impediram que ela perdesse o casamento.

A técnica de enfermagem, Maria de Fátima Lima dos Reis, de 31 anos, quase perdeu o casamento na quarta-feira (14), que estava marcado para as 15h, no cartório do Colorado. Porém, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) deu carona para a noiva que havia ficado no caminho após o carro quebrar na BR 020.

Maria é residente de Formosa e seguia o trajeto em direção ao cartório na companhia de um casal de padrinhos, foi quando o carro enguiçou na altura do km 41 da rodovia, na cidade de Planaltina. Cena digna de um filme, faltavam 30 minutos para o início da cerimônia quando os policiais pararam para ver o motivo do carro estar parado no acostamento.

Continua depois da publicidade

A noiva relata o desespero que sentiu ao pensar que perderia o casamento. “Eu fiquei desesperada. Estava com toda aquela maquiagem, e aquele vestido de noiva quente. Mas foi um sonho, um casamento inesquecível”.

Ramilla Pereira dos Reis, de 24 anos, é madrinha e irmã da noiva, ela relata a preocupação deles em não chegar a tempo no cartório. “Quando o carro parou, a gente já começou a se preocupar e se desesperar. Se não fosse a PRF, ela não ia conseguir casar”, relembrou. A madrinha participou da aventura de Maria no carro da PRF, junto com o também padrinho e irmão, Igor Pereira dos Reis, de 22 anos.

A irmã ainda ressalta que o momento vivido neste dia foi marcante para todos eles. “Para mim mesmo, foi a maior alegria do mundo. Eu estudo para passar no concurso da PRF, então foi um sonho realizado. Eu fiquei em choque quando a viatura da corporação parou. Foi surreal. Agora, Maria já tem história para contar pros filhos, netos, bisnetos. Vai ficar marcado na história da família”, comenta Ramilla.

Agora, quanto ao carro enguiçado, ele ficou sob os cuidados do guincho que resgatou o veículo na estrada. Durante a aventura de Maria, seu noivo, o churrasqueiro Francisco Josefh de Souza Lima, de 27 anos, que aguardava a chegada da amada, se surpreendeu ao vê-la chegando, às 14h55. “Foi uma cena que ficou marcada na vida da gente”, comentou.

Francisco diz não ter acreditado que a noiva estava sendo conduzida ao local do casamento pela PRF. “Quando o carro estragou, eu estava estacionando o carro no Cartório do Colorado. Eu fui na frente e quando estava chegando, ela me ligou e automaticamente voltei para buscá-la. Quando eu já estava chegando ela me ligou dizendo que a PRF estava chegando. Eu fiquei sem acreditar. Aí fiz o retorno e fui para o Colorado novamente. Quando cheguei, demorou uns cinco minutos e ela chegou também. Estava pensando que não ia dar tempo, porque o cartório é bem criterioso, mas deu tudo certo no final”.

>> LEIA MAIS: Carga de bobinas de ferro cai sobre faixa de rolamento em Rio do Sul

Wlavkenaer Lucas, policial rodoviário federal, relatou que a equipe fez questão de socorrer a noiva, e que uma “força-tarefa” foi necessária para que ela chegasse a tempo. “Eles estavam preocupados, pois já eram 14h30 e o casamento aconteceria na região de Colorado às 15h. A equipe não pensou duas vezes. A noiva estava muito desesperada. Ingressou na viatura e deslocamos para que ela pudesse realizar seu sonho”, comentou.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga as redes sociais do Portal Misturebas
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta

Mais notícias
Atendimento