Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Programa Juro Zero bate recorde histórico em número de operações no Estado

Programa Juro Zero bate recorde histórico em número de operações no Estado
Foto: Clóvis Perozin/ SDE

O Programa atendeu em fevereiro deste ano o maior número de empreendedores até então, com 1.505 beneficiados.

O Programa Juro Zero, coordenado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, atendeu em fevereiro deste ano o maior número de empreendedores, com 1.505 beneficiados. O recorde anterior, de maio de 2020, registrou a marca de 1.445. O dado também representa um aumento de 47,8 % se comparado com o mesmo período do ano anterior, que fechou o mês com 1.018 operações.

Só em fevereiro de 2021, foram cerca de R$ 6,8 milhões em empréstimos, um aumento de 129,2% quando comparado com o mesmo período do ano anterior, que registrou R$ 2,9 milhões em concessões de crédito.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

“São meses desafiadores para Santa Catarina, mas também de grandes transformações, como por exemplo, o Programa Juro Zero. Batemos nosso recorde, permitimos a realização de novos negócios, fortalecemos os pequenos empreendedores, e com isto, empregos foram mantidos. Um exemplo de política pública de longo alcance que vem contribuindo para o incremento da atividade econômica catarinense”, destaca o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon.

Criado pelo Governo do Estado, sendo o carro-chefe na formalização de Microempreendedores Individuais (MEIs), o Juro Zero, desde que foi implantado em 2011, já emprestou mais de R$ 348 milhões, movimentando diretamente quase R$ 400 milhões na economia catarinense.

Como funciona

Por meio do Juro Zero, o Microempreendedor Individual recebe recursos financeiros e consultoria para investir no seu negócio. Podem aderir ao programa todo o microempreendedor individual que tiver CNPJ regularizado e for residente em Santa Catarina. Os recursos financeiros são disponibilizados na forma de empréstimos no valor de até R$ 5 mil, os quais devem ser pagos em oito parcelas. Ao quitar as sete primeiras parcelas em dia, o MEI recebe a isenção da última, paga pelo Estado.

LEIA TAMBÉM: Em audiência com a governadora, ministro da Infraestrutura garante celeridade para obras em SC em 2021

O empreendedor tem o direito a realizar até duas operações, sujeitos à análise de crédito, que são operacionalizados pelo Badesc e contam, ainda, com parceria da Associação das Instituições de Microcrédito e Microfinanças da Região Sul do Brasil (Amcred/SC) e do Sicoob – Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil.

Mais informações acesse jurozero.sc.gov.br.

Compartilhe nas suas redes sociais


Siga nossas redes sociais
Instagram: Clique aqui ✅ Telegram: Clique aqui
✅ Facebook: Clique aqui  ✅ Youtube: Clique aqui


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento