Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Homem é preso por tráfico de drogas, corrupção ativa e fraude processual, em Ascurra

Homem é preso por tráfico de drogas, corrupção ativa e fraude processual, em Ascurra
Fotos: Polícia Civil

Na ação foi apreendido cocaína, maconha, ecstasy, celular, dinheiro, entre outros objetos

Por volta das 11h desta sexta-feira, 8 de janeiro de 2021, policiais lotados no Setor de Investigação Criminal da Comarca de Ascurra prenderam em flagrante um homem em virtude da prática de tráfico de drogas, corrupção ativa e fraude processual, sendo que na oportunidade foram apreendidas aproximadamente 100 (cem gramas) de maconha, 20 (vinte) buchas de cocaína, sendo 19 (dezenove) pequenas e 01 (uma) grande e 16 (dezesseis) comprimidos de ecstasy.

Os policiais iniciaram uma campana com a finalidade de monitorar uma “biqueira” de drogas localizada no início da rua Emílio Poffo no Morro do Armandio no bairro Estação, em Ascurra – tendo em vista a existência de inúmeras denúncias relacionadas a prática do tráfico de drogas no local – logo no início da diligência foi possível visualizar um usuário de drogas adentrando ao imóvel monitorado.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

Levando em consideração a movimentação suspeita no imóvel, policiais entraram na residência e flagraram o momento exato no qual o conduzido vendia maconha para um adolescente de 17 (dezessete) anos, inclusive parte da transação foi filmada pela polícia, durante as buscas foram encontradas: drogas, dinheiro, celular, embalagem utilizada no tráfico, balanças de precisão, produtos para auxiliar no plantio da maconha e equipamentos para montar um pequeno laboratório de drogas.

O investigado J.C.M.D., havia sido preso por tráfico de drogas no ano de 2018 na cidade de Trombudo Central e estava em prisão domiciliar com o uso de tornozeleira eletrônica e possuía uma condenação de aproximadamente 06 (seis) anos de prisão por tráfico e posse ilegal de arma de fogo.

Devido a situação de flagrante, foi dada voz de prisão ao investigado J.C.M.D., que estava na residência, pelos crimes de tráfico de drogas, corrupção ativa, considerando o fato de ter oferecido dinheiro aos policiais para não ser preso e fraude processual por ter quebrado o celular apreendido pela polícia.

Por fim, o conduzidos J.C.M.D., foi encaminhado até esta delegacia para a lavratura do competente Auto de Prisão em Flagrante perante o Delegado de Polícia Civil Dr. Antonio Lúcio Antunes Godoi, ficando assim à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Ascurra.

Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
WhatsApp Chat: http://abre.ai/grupomisturebas
Instagram: instagram.com/portalmisturebas
Telegram: https://t.me/misturebas

Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 13 anos ®️


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento