Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Reparos na SC-340, entre Presidente Getúlio e Dona Emma, começam na próxima semana

Reparos na SC-340, entre Presidente Getúlio e Dona Emma, começam na próxima semana
Foto: Divulgação

A situação foi provocada após as fortes chuvas registradas na região do Alto Vale no dia 16 de dezembro

O Governo do Estado, por meio da Defesa Civil de Santa Catariana (DCSC), vai iniciar na próxima semana as atividades para o reparo na SC-340 para o restabelecimento de acesso entre os municípios de Presidente Getúlio e Dona Emma. Serão realizadas obras nas duas cabeceiras da ponte no KM 115,7 e na galeria de drenagem no km 216,5. Os recursos foram garantidos junto ao Governo Federal após a realização de um plano de trabalho construído por técnicos da DCSC. No total serão repassados R$ 598.068,08 para os reparos.

A situação foi provocada após as fortes chuvas registradas na região do Alto Vale no dia 16 de dezembro. Em relação à ponte, que possui 32,5 metros de extensão, as cabeceiras sofreram o desassoreamento. Já no km 216, 5 a enxurrada danificou o sistema de drenagem que será reconstruído.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

Desde que a DCSC foi informada da situação da ponte de acesso aos municípios, uma força-tarefa foi montada para a realização da vistoria, construção do plano de trabalho e negociação com o Governo Federal. O trabalho garantiu agilidade na garantia de repasse dos recursos.

“A obra pode parecer de fácil execução, mas devido ao grande volume de pedras depositadas sob a ponte ela apresenta um grau de dificuldade elevado. Vamos fazer uma obra investindo na prevenção para que a ponte fique segura e que possa voltar a ser utilizada no menor tempo possível”, ressaltou o chefe da DCSC, Aldo Baptista Neto.

Veja Também: Badesc injeta mais de R$ 267 milhões na economia catarinense em 2020

Segundo ele, o plano de trabalho para a normalização do tráfego prevê a administração local das atividades, mobilização, remoção das rochas do leito do rio e a reconstituição das cabeceiras com o mesmo material removido. As cabeceiras serão de pedra argamassada com uma proteção antierosão em concreto projetado. Na ação também será realizada a reconstituição da drenagem, reposicionamento do guard-rail, asfaltamento das cabeceiras e proteção do talude do rio nas proximidades da ponte.

Fonte:  Flávio Vieira Júnior /Assessoria de Imprensa da Defesa Civil de Santa Catarina
Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
WhatsApp Chat: http://abre.ai/grupomisturebas
Instagram: instagram.com/portalmisturebas
Telegram: https://t.me/misturebas

Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 13 anos ®️


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento