Vigilância Epidemiológica registra 21 casos positivos da COVID-19 em Indaial

Vigilância Epidemiológica registra 21 casos positivos da COVID-19 em Indaial
Foto: SECOM Indaial

Entre os 21 casos positivos sete pessoas infectadas são profissionais da saúde

Nesta sexta-feira, dia 8 de maio, a Prefeitura de Indaial, através da Vigilância Epidemiológica apresentou a atualização do boletim em relação aos casos da COVID-19. São 21 casos positivos contabilizados desde o início da pandemia. Destes, 7 são de profissionais de saúde. São 5 casos suspeitos, 28 casos descartados, 9 curados, 1 caso de paciente internado em clínica e 2 óbitos. Atualmente Indaial possui 69 pessoas em monitoramento.

Dos 21 casos confirmados, 15 são mulheres e 6 são homens. São 2 casos de pacientes que moram no Centro, 2 no bairro Benedito, 3 no Carijós, 3 no bairro dos Estados, 1 no bairro Encano Baixo, 2 no bairro Encano do Norte, 1 na Estrada das Areias, 1 no bairro Rio Morto, 3 no Tapajós e 3 no Warnow.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

“Com a mudança de temperatura a prevenção se torna ainda mais intensa, por isso pedimos à comunidade para que utilize a máscara, faça a higienização e saia de casa somente se for necessário.” disse o Secretário de Saúde Alexandre Dalabrida.

Testes para COVID-19

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

A Vigilância Epidemiológica de Indaial em parceria com o Hospital Beatriz Ramos já realizou mais de 182 testes para a identificação da COVID-19. Entre eles 75 são testes rápidos no laboratório municipal e 33 no Hospital Beatriz Ramos. Foram utilizados 74 testes RT – PCR, até o dia 7 de maio.

“No teste rápido o resultado sai em 10 minutos, e pesquisa anticorpos para COVID-19 com algumas restrições ao se realizar o teste para se ter precisão no resultado, que seria de 8 dias de sintomas.
No caso do teste RT-PCR, o resultado leva em média 48 horas e pesquisa o vírus no paciente, realizado entre o 3 a 7 dias de sintomas”, explica o Farmacêutico e Bioquímico do Hospital Elton Possamai.

A coleta do teste rápido é feita através de uma gota de sangue, já o RT-PCR é retirada amostra da cavidade nasal e de orofaringe para determinar a presença do vírus. A realização dos testes é feita através de critérios que são determinados pelo Ministério da Saúde. Pessoas que apresentam tosse, febre, gripe, cansaço e principalmente dificuldade para respirar (em casos graves) devem procurar a Unidade de Saúde ou o Hospital Beatriz Ramos.

Caso o teste apresente o resultado positivo e a pessoa esteja bem, ela poderá ser tratada em sua casa, seguindo importantes recomendações da Secretaria e mantendo-se em isolamento social.

 

Fonte: SECOM Indaial
Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
http://bit.ly/FalecomPORTALMISTUREBAS

Siga nosso instagram
✅ Instagram: instagram.com/portalmisturebas

Participe do nosso grupo no WhatsApp
✅ WhatsApp: http://abre.ai/grupomisturebas
Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 12 anos®


Sugestão de pauta

Deixe um comentário.


Receba as novidades no seu email


Mais notícias
Atendimento
error: Conteúdo bloqueado