Mãe de adolescente agride professora ao buscar o boletim na escola, em Balneário Camboriú

Mãe de adolescente agride professora ao buscar o boletim na escola, em Balneário Camboriú

A aluna acabou reprovando em três disciplinas entre elas química em que a professora foi agredida.

Uma mulher de 42 anos, mãe de uma aluna do Colégio Estadual Maria da Glória Pereira, em Balneário Camboriú, atacou com tapas e socos uma professora de química. A agressão ocorreu na quarta-feira, 18 de dezembro, no período da tarde, após a entrega de boletins.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

A filha da agressora, uma adolescente de 17 anos, é aluna do segundo ano do Ensino Médio e foi reprovada em três disciplinas – entre elas, química.

Segundo a Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, um aluno tentou defender a professora e também foi agredido.

Continua depois da publicidade

Misturebas - Anúncio

Ela fez exame de corpo de delito e tem hematomas pelo corpo, mas passa bem.

A agressora responderá a um termo circunstanciado. Uma audiência foi marcada para fevereiro do ano que vem, no fórum de Balneário Camboriú.

Fonte: NSC
Foto: Thiago Ghizoni
Compartilhe nas suas redes sociais


Sugestão de pauta

Deixe um comentário.


Receba as novidades no seu email


Mais notícias
Atendimento