Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Namorado diz à polícia que matou adolescente com tiro acidental, em Blumenau

Namorado diz à polícia que matou adolescente com tiro acidental, em Blumenau

O suspeito de matar uma adolescente de 16 anos na manhã de quinta-feira, 24 de janeiro, com um tiro na cabeça, apresentou-se à Central de Polícia Civil no bairro Garcia, em Blumenau, no fim da manhã. O homem de 23 anos é o namorado da vítima, e já está preso.

Segundo o delegado Douglas Teixeira Barroco, do setor de homicídios da Polícia Civil, o rapaz relatou que matou a garota por volta das 9 horas, e saiu de casa para esconder a arma em um matagal próximo, no bairro Itoupavazinha. Mais tarde, por volta das 11h30min, foi até a central para confessar o crime.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

Ainda de acordo com informações repassadas pelo delegado, o suspeito alegou que morte foi causada por um tiro acidental, durante uma brincadeira na qual um apontava a arma para o outro. A prática seria comum entre o casal.

A mesma versão foi contada por telefone por um amigo do suspeito a um vizinho do casal, que prefere não se identificar. Ele foi o primeiro a chegar à casa e encontrar o corpo da garota caído no chão. A polícia foi acionada em seguida, momentos antes de o suspeito se apresentar à Central de Plantão Policial.

Continua depois da publicidade

Misturebas - Anúncio

Ele foi lá dizendo que tinha acabado de cometer o homicídio. Também vai ser lavrado flagrante pelo tráfico. Encontramos uma porção de maconha em tijolo e outras já embaladas para venda, a faca usada para fracionar. Ele admitiu que vendia (drogas). O flagrante é por tráfico, pela posse da arma e pelo homicídio também – explica o delegado Barroco.

No início da tarde, a Polícia Civil levou o suspeito até o local do crime. Eles procuraram a arma no matagal, mas não a encontraram. O corpo da vítima estava caído ao lado de uma cama, em um quarto, logo na entrada da casa.

Segundo vizinhos nos últimos meses a garota frequentava a casa na maior parte dos dias. Segundo o delegado, o suspeito vai responder por posse de arma, tráfico de drogas e pelo homicídio da jovem.

No início da tarde de quinta-feira não havia familiares da vítima na residência do crime, apenas a mãe e uma irmã do suspeito, que não quiseram falar com a imprensa.

 

Fonte: nsc | Foto: Jean Laurindo
Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
WhatsApp Chat: http://abre.ai/grupomisturebas
Instagram: instagram.com/portalmisturebas
Telegram: https://t.me/misturebas

Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 13 anos ®️


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento