Categorias
Notícias Policial

Ação conjunta fez prisões e elucida roubo em Garopaba

Uma ação conjunta da Polícia Civil e da Polícia Militar fez prisões e elucidou o roubo a uma loja, em Garopaba. Aparelhos celulares roubados também foram recuperados.

Na segunda-feira, 17 de janeiro, por volta das 16h, a loja, situada no bairro Campo Duna, foi alvo de roubo. Os criminosos ingressaram no estabelecimento e subtraíram, mediante o uso de arma de fogo, oito aparelhos celulares e dinheiro.

Assim que as Polícias tomaram conhecimento do crime houve uma operação para que as saídas da cidade fossem monitoradas por diferentes equipes e houve êxito em abordar o veículo utilizado no crime, já em Paulo Lopes.

No interior do veículo havia somente um homem, que possuía mandado de prisão preventiva ativo por roubo praticado contra a mesma loja, ocorrido em 18/12/2021, quando os criminosos agiram de modo semelhante ao desta segunda-feira.

No veiculo abordado foi localizado um aparelho celular novo subtraído da loja vítima, além de dinheiro. Em diligências seguintes à prisão de tal homem, as viaturas da Polícia Militar e da Polícia Civil receberam a informação de que o outro homem executor do roubo estaria próximo a uma residência no bairro Siriú, em Garopaba.

–> LEIA TAMBÉM: Homem agride e ameaça companheira de morte em Indaial

As informações levantadas procediam, e no local foram presos outros dois homens. Um deles praticou o roubo juntamente com o motorista do veículo, detido um pouco antes, e estava na posse de outros aparelhos celulares novos subtraídos da loja e com dinheiro.

Já o segundo, receptou três aparelhos celulares que haviam sido recém roubados da loja também naquela tarde. Conforme publicado pela PCSC, na residência foi localizada uma estufa com mais de 30 pés de maconha, razão pela qual houve a lavratura de auto de prisão em flagrante contra o autor da receptação dos celulares também pelo crime de tráfico de drogas.

Por Andressa Caroline Maas

Jornalista freelancer e gerenciadora de mídias sociais. Atuante na área de órgãos públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.