Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

Pai pedala 28 km até outro estado toda semana para buscar tarefas dos filhos

Pai pedala 28 km até outro estado toda semana para buscar tarefas dos filhos
Edemison e os filhos Wellinton, de 16 anos, Amabili, de 14, e Nicole, de 12 (Foto: Reprodução / Facebook)

A família vive em um sítio em Guaratuba, no litoral do Paraná. O pai pedala até Garuva (SC), município vizinho, todas as terças-feiras para buscar materiais e tarefas

A família vive em um sítio às margens da BR-376, em Guaratuba, no litoral do Paraná. O pai pedala até Garuva (SC), município vizinho, todas as terças-feiras para buscar materiais e tarefas para que os filhos consigam estudar em casa, durante a pandemia causada pelo novo coronavírus. Somando o trajeto de ida e volta são 28 km.

O roçador estudou até a 4ª série e vê, nos filhos, a chance de não deixar se repetir o passado que teve. “Estou lutando para dar dignidade a eles. Falta muita coisa e o que temos é simples, mas nunca faltou carinho e empenho. Já passamos por muitas dificuldades, ainda dói, mas desistir não é uma opção. Nunca foi”, disse o pai ao G1.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

Edemison conta que tem quatro filhos. A mais velha se casou e não mora mais com o pai e os irmãos. Com ele, ficaram Wellinton, de 16 anos, Amabili, de 14, e Nicole, de 12. “Amabili parece que quer ser policial, Wellinton quer ser caminhoneiro, e a Nicole quer ser professora. Dá um orgulho ver eles sonhando e acreditando em um futuro melhor, né. Se Deus quiser vai dar tudo certo”, afirmou.

Veja Também: Escolas da rede estadual de SC terão laboratórios de eficiência energética para qualificação profissional

Continua depois da publicidade

AGWP

Por morar em uma casa de madeira à beira da estrada, a família raramente consegue sinal de telefonia. Com isso, o pai aproveita para fazer ligações, quando precisa, no trabalho, e os filhos se arriscam caminhando pela rodovia até encontrarem algum sinal para o celular.

“Nasci e me criei aqui, mas é ruralzão, né? É gostoso o nosso lugarzinho, sossegado, tem um rio perto, mas tem esses problemas. Eles se arriscam pela estrada até algum restaurante ou estabelecimento para conseguir sinal”, disse o pai.

 

Fonte: UOLNOTÍCIAS
Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
WhatsApp Chat: http://abre.ai/grupomisturebas
Instagram: instagram.com/portalmisturebas
Telegram: https://t.me/misturebas

Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 13 anos ®️


Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento