Participe do grupo Misturebas no WhatsApp

550 mil maços de cigarros são apreendidos na BR-101 em Joinville e Itapema

550 mil maços de cigarros são apreendidos na BR-101 em Joinville e Itapema

Em duas ações conjuntas na manhã de quinta-feira, 17 de janeiro, na BR-101, em Itapema e Joinville, agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Receita Federal (RF) apreenderam cerca de 550 mil maços de cigarros contrabandeados do Paraguai.

Após troca de informações de inteligência entre os órgãos, dois caminhões suspeitos de trazer a mercadoria foram localizados transitando na rodovia sentido Norte-Sul.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

O primeiro, um Volvo placas de Itajaí, foi abordado por volta das 9h no km 151 em Itapema. A princípio, o motorista disse que no compartimento de carga havia apenas ovos e apresentou nota fiscal. No entanto, ao remover parte do material, os agentes identificaram um fundo falso no baú e atrás dele encontraram diversas caixas contendo 300 mil maços de cigarros paraguaios.

O motorista, paranaense de 39 anos, disse que seria pago para transportar os cigarros do interior do Paraná até a região de Porto Alegre (RS). Ele foi levado à Polícia Federal de Itajaí, onde responderá por contrabando e poderá ter a Carteira de Habilitação cassada por cinco anos, conforme lei federal sancionada semana passada.

Continua depois da publicidade

Misturebas - A informação ao seu alcance!

O segundo veículo, um caminhão VW placas de Londrina (PR), foi abordado praticamente no mesmo horário no km 25 da BR 101, em Joinville. Ao que tudo indica, tratava-se da mesma quadrilha da ocorrência de Itapema, uma vez que a carga de 250 mil maços de cigarros paraguaios também estava escondida por um fundo falso atrás de um carregamento de ovos da mesma granja.

Paranaense de 41 anos, o condutor afirmou que o destino da carga também era a região de Porto Alegre. Ele foi encaminhado à Polícia Federal de Joinville, onde responderá por contrabando e poderá ter a CNH cassada por cinco anos.

Nas duas ocorrências, os cigarros e os caminhões seguiram para depósitos da Receita Federal e as cargas de ovos foram doadas a instituições de caridade locais.

 

Fonte: nsc | Foto: PRF
Compartilhe nas suas redes sociais


Redação Misturebas

Seja o repórter e nos envie fotos e dados!
WhatsApp Chat: http://abre.ai/grupomisturebas
Instagram: instagram.com/portalmisturebas
Telegram: https://t.me/misturebas

Portal Misturebas – A informação ao seu alcance | 13 anos ®️

publicidade

AGWP

Sugestão de pauta


Mais notícias
Atendimento